Talitha Benjamin

6 erros que podem causar oleosidade no cabelo

Oleosidade no cabelo

A oleosidade no cabelo é o pesadelo de qualquer pessoa. Por mais que se invista em shampoos para cabelos oleosos, hidratação, e outras técnicas, por muitas vezes é difícil evitar o aspecto “melado” dos fios. Mas já parou para pensar que a culpa também pode ser sua? Isso mesmo, afinal, alguns hábitos pode incentivar a oleosidade capilar.

Para saber o que é precisa para tirar a oleosidade do cabelo, é preciso entender por que e como ela acontece: o couro cabeludo produz sebo constantemente através de glândulas sebáceas, que ajuda a manter a raiz dos fios hidratada e macia. Essa oleosidade, quando produzida em excesso, torna-se visível e deixa o cabelo com o aspecto pegajoso, grudando os fios uns nos outros.

Cada organismo é diferente, portanto, algumas pessoas produzem menos ou mais sebo do que as outras. Um cabelo oleoso nem sempre é um cabelo sujo, como muitas pessoas acreditam, e sim um cabelo que produz sebo demais. Os cabelos lisos tendem a ser mais oleosos do que os cacheados ou crespos, simplesmente porque os óleos naturais não chegam com tanta facilidade nos fios em formato espiral.

Para evitar um couro cabeludo oleoso, você precisa também mudar alguns hábitos e deixar de cometer erros que podem estimular o problema. Confira a seguir quais são:

Mexer demais no cabelo

Se você costuma usar os mãos para mover os fios, segurá-los com frequência, precisa rever esses hábitos. As mãos possuem muitas bactérias que entram em contato com os fios, fora que o movimento extremo estimula a produção de sebo. Se o seu cabelo cai muito no rosto e você precisa tirar com as mãos, invista em um corte mais estruturado que evite o problema, principalmente se você tem uma franja que incomoda muito.

Lavar com muita frequência

O shampoo para cabelo oleoso (em especial o antirresíduos ou de limpeza profunda) quando usado com muita frequência, pode até te dar aquela sensação momentânea de fios limpos, mas pode causar o efeito rebote. Esses produtos removem toda a oleosidade – e muitos nutrientes – e o couro cabeludo entende que precisa produzir mais sebo. Diminua o uso de shampoos muito extremo e invista em outros produtos com fórmulas mais leves para diminuir os óleos. Outra dica é apostar na esfoliação capilar a cada 15 dias para manter os fios mais limpos, estimular a circulação e a renovação celular.

Deixar de hidratar os fios

Não se engane! A hidratação para cabelo oleoso é tão importante quanto para qualquer outro tipo de fio. Já reparou como a oleosidade se concentra na raiz? Isso porque ela não consegue chegar nas pontas e, sem a hidratação necessária, elas podem ficar espigadas e ressecadas. Novamente, invista em fórmulas leves e em hipótese alguma aplique máscaras hidratantes, condicionar e cremes de pentear nos fios acima da altura da orelha, mantendo-os longe do couro cabeludo.

Lavar o cabelo com água quente

Não cansamos de falar: para lavar os fios, apenas água morna ou fria. O calor aumenta a produção das glândulas sebáceas, e pode até mesmo inibir o crescimento dos fios, além de deixá-los mais frágeis e quebradiços.

Pesar a mão nos finalizadores e modeladores

O shampoo a seco, o condicionador, o creme de pentear, o finalizador, leave-in e protetores solares e térmicos são produtos importantes e necessários, mas a hora de utilizá-los é pontual. É importante não deixar os produtos por muito tempo nos fios e evitar a aplicação acima da orelha, para evitar o cabelo oleoso na raíz. A dica é sempre apostar em fórmulas leves, e produtos em spray também podem ser uma boa alternativa, quando disponíveis.

Ficar sem lavar por muito tempo

Apesar da lavagem diária também produzir muita oleosidade, ficar muito tempo sem higienizar os fios também é bastante prejudicial. O ideal é encontrar um equilíbrio saudável entre ambos e lavar em média um dia sim, um dia não.

Revendo os hábitos e deixando algumas manias de lado, você garante o fim da oleosidade no seu cabelo, mantendo-os saudáveis, sedosos e macios sem muito esforço!

4 comentários neste post

  1. Kelly Santana de Souza disse:

    Esse exemplo foi tudo pra mim eu amei de mais eu tenho esses costumes de mais agora eu vou deixar de lado esse costume de pegar no cabelos quais todas horas lavar o cabelo de uma vez por semana eu vou agora cuidar bem do meu cabelo amo ele
    meu cabelo ele tem 1 metro 3 dos pós da minha costa ele é liso pra ondulado
    ele dar um pouco de trabalho kkk mais eu me acostumei com ele assim obrigado pelas informações de vocês amei essas respostas ❤

    1. Caio Costa disse:

      Isso aí, Kelly! Suas madeixas merecem todo amor e cuidado e nós ficamos muito felizes em saber que fazemos parte do seu dia a dia. Continue de olho nos posts para não perder nenhuma novidade!

  2. Mateus Ferreira disse:

    Olá
    Bom dia … tenho uma dúvida meu cabelo é natural e oleoso pode acompanhar cronograma capilar?

    1. Caio Costa disse:

      Pode, sim, Ma! Recomendamos que utilize as máscaras sempre no comprimento e pontas, evitando a raiz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *