Thauany Lima

Amigo com depressão: dicas para ajudar essa pessoa no dia a dia

Depressão
A depressão é uma doença que afeta cerca de 5,8% da população brasileira, somando cerca de 11,5 milhões de habitantes portadores da patologia no país, isso segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde).
De acordo com Livia Marques, coach e psicóloga organizacional, a depressão não se trata de tristeza, é mais complexa que isso. “A depressão é um quadro patológico que envolve a parte neural e suas sinapses, mas, além disso, é uma doença recorrente na sociedade. Na depressão há melancolia, angústia e também isolamento. A pessoa não consegue responder aos sinais de uma possível recuperação com simples estímulos. A melancolia, a “tristeza” perduram por meses, podendo haver perdas significativas na vida da pessoa.”

Quando se tem um amigo com depressão, existe uma enorme vontade de ajudar, porém, de acordo com a especialista é preciso entender o que é a doença e ser extremamente cauteloso nos contatos, sempre oferecendo ajuda sem julgamentos. veja algumas perguntas frequentes sobre o assunto.

É indicado estar presente com o amigo depressivo diariamente?

É indicado dar apoio e empatia, mas também saber respeitar o espaço do outro, pois muitas pessoas que estão deprimidas, às vezes, ficam ansiosas, podendo ficar mais agressivas na fala ou isolada. É necessário que se entenda o amigo e ouça com empatia.

Mantendo o contato, é possível reduzir os sintomas da depressão no amigo?

Mantendo o contato, o apoio necessário e o acompanhamento, é possível trazer um bem-estar maior para o amigo com depressão. Às vezes “vamos ao psicólogo, eu irei com você” já é uma grande ajuda a essa pessoa.
Porém, é preciso dosar essa atenção para não trazer mais ansiedade para o enfermo, ok?

Para quem se relaciona com uma pessoa depressiva, quais dicas você daria?

Antes de tudo, entenda o que é depressão! Não julgue o outro por suas necessidades, afinal, ele não está no mesmo ritmo e realidade que a sua.
Você precisa entender que esta pessoa tem uma doença e precisa de acompanhamento médico, por isso, não diga que é frescura as suas crises, o temperamento ou ansiedade. Se você pretende permanecer ao lado dele(a), é preciso ser empático sempre.

Tipos de depressão

A depressão é uma doença que têm vários tipos de distúrbios, sendo eles:

 Depressão bipolar

Esse subtipo é caracterizado por agitação, aumento da impulsividade, aumento da energia, hiperatividade, desatenção, obsessão com determinado assunto.

 Depressão atípica

Nesse caso o paciente apresenta sintomas como: melancolismo, tristeza, sentimento de inutilidade e pensamento de morte.

Depressão sazonal

Uma das maiores características desse tipo de doença está relacionada ao inverno, quando há pouca exposição à luz solar e, o doente entra em uma tristeza profunda.

Depressão pós-parto

A depressão pós-parto afeta as mães, deixando-as com um sentimento de tristeza e desesperança no puerpério.

Transtorno depressivo maior

Nesses casos o enfermo começa a ter quadros depressivos recorrentes, perpetuando por mais de seis meses.
É muito comum as pessoas sentirem tristeza, porém, quando esse sentimento se torna constante e começa a prejudicar o relacionamento com outros indivíduos, é o momento de procurar ajuda.
Existem algumas formas de tratar a depressão, seja com medicação ou terapias. Atualmente já existem mais de 30 antidepressivos disponíveis para cuidar dessa doença, basta procurar o mais indicado para seu tipo de distúrbio junto com seu médico.

Amigo com depressão: dicas para ajudar essa pessoa no dia a dia
4.3 (86.67%) 3 votes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *