Thauany Lima

5 motivos para você evitar que seu filho use o celular

Celular para crianças

Quem é mãe sabe a dificuldade que é para afastar as crianças dos aparelhos celulares, não é verdade?
Mesmo com todo o diálogo e os limites dentro de casa, os pequeno vão querer adquirir um eletrônico em algum momento da infância, seja por influência dos amigos que já possuem um ou exemplos dos adultos.
De acordo com especialistas, o consumo de conteúdos eletrônicos na infância vem desenvolvendo grandes riscos para a saúde, tanto intelectual quanto física.
Confira os cinco motivos pelos quais você precisa evitar o celular para crianças.

1. Atraso no desenvolvimento

Dependendo da idade que o celular é incluído na rotina das crianças ele pode trazer grandes atrasos para elas, seja na educação, capacidade, rendimento, entre outros.
A falta de dedicação nos estudos por conta dos jogos e outros aplicativos de celulares podem agravar em uma alfabetização tardia e em graves problemas de atenção e capacidade.
A partir do ingresso na escola, a criança já começa a apresentar capacidades e facilidades em certos assuntos, o que mostra, por exemplo, em quais matérias e sonhos futuros esse pequeno pode se apegar. No entanto, durante o contato com o celular a criança perde o foco e atenção em determinados assuntos, o que dificulta no aprendizado e na capacidade.

Leita também: Como educar os filhos: Dicas para te ajudar com os pequenos.

2. Atitudes agressivas na infância

Algumas crianças começam a desenvolver comportamentos violentos já na primeira infância, de acordo com especialistas. Esses tipos de atitudes podem ser influência pelo contato com jogos ou vídeos com brutalidades.
O acesso a aplicativos não indicados para a idade da criança pode gerar um senso comum em determinados assuntos, que por falta de maturidade do indivíduo, ele começa a reproduzir no seu dia a dia.

3. Desenvolvimento de vício infantil

A passividade dos pais diante do uso excessivo de tecnologia é algo que vem preocupando cada vez mais os psiquiatras. Cada vez mais crianças vem se tornando viciadas em internet e celular, começando na primeira infância, quando o bebê aprende a desbloquear o celular do pai e eles acham algo “lindo” e “surpreendente”.
As brigas familiares entre irmãos e as dificuldade em realizar brincadeiras que não exigem tecnologia, é um dos grandes desafios desse vício.

Leia também: Vício em celular: Dicas para combater esse mal.

4. Obesidade infantil

Conforme estudos publicados pela revista científica The Lancet, estima-se que, em 2025, o Brasil vai ter cerca de 11,3 milhões crianças obesas. Um dos culpados desse índice pode ser o sedentarismo, provocado principalmente pelas tecnologias.
As crianças não estão se dedicando a esportes ou brincadeiras que exigem movimento, o que leva ao desenvolvimento de inúmeros problemas de saúde, como diabetes, problemas vasculares, cardíacos e obesidade.

5. Déficit de atenção

O déficit de atenção é um dos obstáculos causados pelas tecnologias que vem atingindo tanto os adultos, quanto as crianças.
Não ter concentração para ler um livro ou revista, problemas de memorização e dificuldade em prestar atenção, são sintomas causados pelo consumo rápido de conteúdo nas telas dos celulares e computadores.
Esses são apenas alguns motivos causados pelo uso do celular na infância, no entanto, existem outras dezenas de motivos para equilibrar esse consumo ingênuo de aplicativos.
Segundo especialistas, os pais precisam dosar e ser exemplo na infância, principalmente em relação aos aparelhos eletrônicos.
As crianças costumam copiar tudo o que vêem, seja letra de música, comportamentos, atitudes ou valores. Induzir desde cedo o desenvolvimento intelectual e físico é fundamental para a criação de um indivíduo inteligente e produtivo.

Leia também: Concentração: 10 dicas para aumentar a concentração

5 motivos para você evitar que seu filho use o celular
5 (100%) 4 vote[s]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *