Tayla Pinotti

Coloração de cabelo: dicas para colorir os fios corretamente

Coloração de cabelo

Apostar em uma nova coloração de cabelo nem sempre é uma tarefa simples. Se o processo não for feito de maneira correta, diversos danos podem ser causados na fibra capilar.

Para conquistar o resultado perfeito, é preciso estar bem informada sobre o assunto e ficar por dentro de tudo que envolve coloração capilar.

Por isso, veja as dicas e informações que separamos para você não errar na hora de colorir os fios.

Como funciona a numeração?

Você já deve ter percebido que as colorações são organizadas por números, mas você sabe o que eles significam? Se ainda não sabe, a gente te explica:

O número que aparece antes do ponto é a cor base da tintura. Eles são organizados em ordem crescente, sendo que quanto menor o número, mais escuro e quanto maior, mais claro. Ou seja, o número 1 corresponde a um preto profundo e o 10 a um loiro claríssimo.

Já a numeração depois do ponto representa as nuances, que são os reflexos que ficam nos fios. Elas são organizadas da seguinte forma: 0 – Natural, 1 – Acinzentado, 2 – Violeta/azulado/irisado, 3 – Dourado, 4 – Acobreado, 5 – Acaju, 6 – Vermelho e 7 – Marrom.

Quando há mais de um número após o ponto, significa que há uma mistura de reflexos, e o número à esquerda é sempre o reflexo que mais se sobressai.

É por isso que vemos por aí muitos tons como “louro médio marrom” ou “castanho acaju”, por exemplo.

Como a coloração age nos fios?

As tintas de cabelo possuem substâncias específicas (como a amônia, por exemplo) que agem diretamente na parte interna da fibra capilar, substituindo a cor do cabelo por uma nova pigmentação.

É por este motivo que a coloração modifica toda a estrutura capilar e pode acabar, consequentemente, danificando os fios.  

Para evitar que isso aconteça, a melhor opção é iniciar um tratamento antes de colorir os cabelos para que os fios fiquem fortes o suficiente para passar pelos processos de descoloração e coloração.

Como escolher a cor ideal?

A principal dica é: leve em conta o seu gosto e estilo pessoal. Se você faz o estilo mais reservado, talvez as cores mais ousadas não sejam tão apropriadas para o seu visual.

Outra dica importante é procurar um profissional especialista em colorimetria para te ajudar na missão de escolher o tom perfeito, pois ele com certeza poderá te auxiliar a encontrar o que mais combina com você.

Não deixe de levar em conta a cor natural do seu cabelo, além da sua cor de pele também.

Coloração x tonalizante: qual a diferença?

Apesar de parecidas, as duas coisas são diferentes. A coloração modifica toda a estrutura do cabelo, dentro e fora, e muda a cor de forma permanente.

Já o tonalizante funciona como uma tintura semi permanente, é uma “maquiagem para o cabelo”, pois deposita os pigmentos apenas na parte externa dos fios. É uma opção menos agressiva, já que não leva amônia em sua composição.

Por outro lado, as cores normalmente são mais suaves e costumam sair depois de algumas lavagens.

Teste de mecha é fundamental

Outra dica para evitar que sua experiência com a tintura de cabelo seja frustrada é sempre fazer um teste de mecha antes de colorir os fios.

Esse teste deve ser realizado em apenas uma mecha do cabelo e por um profissional de confiança, pois somente ele poderá dizer se seus fios estão fortes o suficiente para receberem a tinta.

Com esse teste de mecha você também conseguirá visualizar como a cor vai ficar no seu cabelo sem precisar colorir todos os fios.

E já que você está pensando em colorir as madeixas, que tal apostar no famoso loiro de arrasar? Veja algumas dicas para cuidados com o cabelo loiro

Avalie esse conteúdo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *