Raquel Fialho

Exercícios para grávidas: 5 exercícios que podem ser feitos durante a gestação

exercicios para gravidas

Os exercícios físicos podem ser praticados por todo mundo, sem exceção às grávidas. Mas, é importante salientar que os exercícios para grávidas merecem atenção, principalmente no modo em que ele é feito, ou seja, para quem está nessa fase, o ideal é não pegar pesado e seguir orientações médicas para maior segurança do bebê.

Quer saber quais exercícios podem ser praticados? Conheça as dicas abaixo!

Por que fazer atividade física na gestação?

Todo mundo precisa praticar exercícios físicos, né? Seja com uma simples caminhada. Afinal, as atividades físicas ajudam em um bom condicionamento, assim como, diminui o desconforto, auxilia em uma boa respiração e em uma boa autoestima.

Caminhada

A caminha é uma atividade essencial para todo mundo e, para as grávidas não é diferente, isso porque a caminhada ajuda a evitar o sedentarismo, o estresse e ainda contribui para uma melhor respiração. Só tenha cuidado na hora de pisar, isso porque a pisada em “falso” para não ocasionar o desequilíbrio da gestante. Portanto, faça a caminhada devagar, ou seja, de forma leve.

Pilates

Além de ser ótimo para manter a postura, o pilates é uma atividade que ajuda na respiração e no fortalecimento muscular.

Musculação deve ser leve

Caso você já pratique musculação, o ideal quando se descobre a gravidez é parar o treino e seguir orientações do seu médico. Afinal, a musculação pode continuar, porém, de maneira leve, por isso a importância de consultar um médico e contar com ajuda de um instrutor.

Hidroginástica

A hidroginástica pode ser feita por todo mundo. Para as grávidas, é um exercício que evita dores musculares e inchaços, além de auxiliar no sedentarismo. Normalmente é feita até os 9 meses de gestação.

Alongamento/ginástica

Os alongamentos podem ser feitos durante toda a gestação, claro, devendo evitar abaixamentos forçados. Por isso, para quem deseja se exercitar em casa, a dica é começar de forma leve. Com o tempo, a maneira que for garantindo elasticidade, eles podem ser mais intensos, porém, o ideal mesmo é procurar um médico para passar as atividades essenciais. Pois, em caso de qualquer acontecimento, seja como um corrimento ou algo assim, o ideal é ficar atenta.

Quando evitar ou parar o treino?

Qualquer tipo de atividade deve ser orientada pelo seu médico. Mas, quem já tem o costume de treinos diários e atividades tensas, é difícil “desapegar” da rotina. Entretanto, praticar atividades de forma intensa e sem qualquer orientação pode ocasionar sérios riscos a vida do bebê, portanto, além de procurar um médico, fique atenta a qualquer alteração no corpo, tais como:

– Falta ou diminuição de ar;

– Sangramento ou perda de liquido vaginal;

– Inchaço ou dores constantes;

– Fraqueza muscular;

– Contrações;

Em qualquer alteração ou dor, o indicado é procurar um médico tanto antes de realizar uma atividade física, assim como em caso de toda e qualquer mudança.

1 comentário neste post

  1. Excelente conteúdo o seu está de Parabéns!! Aproveita e dá uma passada no meu site, acredito que as informações lá possam agregar. Gratidão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *