Quebradiço, poroso, ressecado ou com pontas duplas? Entenda o real problema do seu cabelo

Por: Luana Queiroz
Cabelo poroso
Descubra se você tem cabelo poroso, ressecado ou quebradiço

Poroso, quebradiço, ressecado, com pontas duplas… são muitos os danos que o seu cabelo está exposto e cada um deles requer cuidados especiais. Mas para cuidar corretamente das madeixas, é preciso identificar exatamente qual o problema que o seu cabelo tem. 

Para isso, vamos fazer um teste rápido: vá para frente do espelho, solte o cabelo e observe-o, detalhadamente, da raiz às pontas. Consegue dizer o que tem de errado com ele?

Se você teve dificuldade em reconhecer o dano que está presente nos seus fios, esse texto é para você.

Qual é o problema do meu cabelo?

Saiba que é possível descobrir a real situação do seu cabelo observando dois pontos principais: seus hábitos (ao lavar, secar e cuidar) e as características que os fios apresentam. Com essas duas informações, você vai conseguir traçar uma estratégia para um tratamento efetivo. Use o esquema abaixo para te ajudar nesse diagnóstico:

Cabelo quebradiço

O que causa: hábitos cotidianos simples, como pentear o cabelo de forma incorreta, lavar os fios com muita força, dormir com o cabelo molhado, até abusar das ferramentas de calor.

Como identificar: ao passar as mãos pelo comprimento do cabelo ou ao pentear, os fios começam a se partir com facilidade, ou seja, não caem da raíz. 

Como cuidar: a quebra pode ser solucionada com tratamentos específicos, como a reconstrução, umectação e cauterização.

Cabelo poroso

O que causa: procedimentos químicos e fatores naturais, como sol e água do mar, alteram o pH do cabelo, resultando na abertura da cutícula capilar, aumentando a porosidade capilar.

Como identificar: com aspecto áspero, opaco e com frizz, os fios porosos tendem a ter menos elasticidade. Para uma melhor identificação, o teste de porosidade vai ajudar.

Como cuidar: a porosidade pode ser revertida com tratamentos reconstrutores e a umectação capilar.

Cabelo ressecado

O que causa: o uso excessivo de secador e chapinha, principalmente sem proteção térmica, e procedimentos químicos, como alisamento e coloração.

Como identificar: com cutículas levemente abertas, os fios ressecados, como o nome sugere, são fios mais secos por toda a sua extensão.

Como cuidar: cabelos ressecados precisam de reposição de água para voltar a ser saudáveis e, para isso, a hidratação é o tratamento mais indicado. Também é preciso ter mais cautela no uso das ferramentas de calor e químicas.

Cabelo com pontas duplas

O que causa: a frequente exposição a fatores desgastantes da fibra capilar, como altas temperaturas e químicas.

Como identificar: a ponta dupla é a fragmentação do fio, que pode se partir em várias partes, fazendo a ponta ter a aparência de um galho ramificado.

Como cuidar: pausar procedimentos químicos e evitar as ferramentas de calor é essencial e, se possível, aparar as pontas que já estão duplas. Para uma recuperação total, invista em uma boa hidratação.

Muitos podem ser os fatores que vão causar danos ao seu cabelo, mas um hábito pode transformar seus fios e reverter cenários que parecem impossíveis: um cronograma capilar apropriado. 

Com etapas que oferecem soluções específicas para cabelos danificados por diferentes motivos, o cronograma capilar é indicado para todos os tipos de cabelo, textura e curvatura.

Leia também