Priscila Esperandio

Saúde mental: por que é tão importante manter a mente sã?

Todo mundo sabe que é importante cuidar do corpo. Nós mulheres então, costumamos nos dedicar muito a cuidar do corpo, dos cabelos, da pele, das unhas, enfim, de tudo que é aparente. Mas e a saúde mental? Você tem se preocupado em cuidar dela também?

Poucas pessoas acabam se preocupando com isso, no entanto, é fundamental cuidar do corpo e da mente. Afinal, de nada adianta ter um visual incrível e não se sentir bem, sofrer com depressão, ansiedade, baixa autoestima, pânico, ou qualquer outro problema desse tipo. Por isso, entenda mais sobre a importância de cuidar da saúde da mente e como você pode fazer isso.

Mulher sentada no chão, com os braços cruzados sobre os joelhos, com semblante triste

O que é saúde mental?

Saúde mental consiste basicamente em ter equilíbrio emocional e controle sobre suas ações e pensamentos. Em alguns casos, pessoas que tem distúrbios da mente parecem pessoas totalmente equilibradas e tranquilas, quando na verdade, são pessoas ansiosas, nervosas, depressivas, etc.

A OMS define a saúde mental como “um estado de bem-estar no qual o indivíduo é capaz de usar as suas próprias habilidades, recuperar-se do estresse rotineiro, ser produtivo e contribuir com a sua comunidade.”

Porque é importante cuidar da sua saúde mental?

Para que tenhamos uma vida tranquila e boa, em diversos aspectos, é preciso que tenhamos uma vida equilibrada, cuidando de todos os pontos importantes para que esse equilíbrio seja possível. Trabalho, família, finanças, amigos, saúde, enfim, cuidar de tudo isso é imprescindível e cada um desses itens envolve diversos aspectos, sendo que a saúde engloba a saúde física, emocional e mental.

Se tratando de saúde, todos aspectos é importante, mas a saúde mental impacta diretamente na nossa saúde como um todo e, inclusive, impacta nos outros pontos da nossa vida também: trabalho, vida social, etc.

A política nacional de saúde mental

O SUS (Sistema Único de Saúde) possui a Rede de Cuidados em Saúde Mental, Crack, Álcool e outras Drogas, que iniciou em julho de 2011. Essa rede foi constituída a partir do Decreto nº 7508, de 28 de junho de 2011, cujo a partir da Política Nacional de Saúde Mental instituiu:

  • os Centros de Atenção Psicossocial (CAPs),
  • os Serviços Residenciais Terapêuticos,
  • os Centros de Convivência e Cultura,
  • as Unidades de Acolhimento e
  • os leitos de atenção integral em Hospitais Gerais.

Pacientes com transtornos mentais, usuários de álcool, crack e outras drogas, são atendimentos por esses serviços que podem ser encontrados em todo o País. A ideia é que com a Política Nacional de Saúde Mental a tradicional estrutura da assistência à saúde mental (hospitalocêntrico e manicomial) seja substituída, tornando o tratamento de saúde mental mais acessível, simples, prático e eficiente.

Como você tem cuidado da sua saúde mental?

Não tenha vergonha de admitir que, talvez, você precise de algum tratamento para deixar a sua saúde mental em ordem. Observe como você se sente, como as pessoas te veem e, se for o caso, procure ajuda profissional.

Às vezes, você pode ter algo relativamente simples que, se tratado adequadamente, será facilmente superado. Porém, quando os problemas mentais se agravam, pode ser mais demorado para conseguir obter resultados significativos de melhora.

A saúde mental é muito importante para sermos pessoas felizes e completas!

Esperamos que você tenha entendido a importância de cuidar da saúde mental e que você dê a importância necessária para esse fator. Muitas pessoas acabam deixando de se cuidar e procurar ajuda profissional, por vergonha ou por não quererem admitir que precisam cuidar da mente. Infelizmente ainda há alguns tabus acerca desse tipo de tratamento e, até mesmo, algum preconceito sem sentido com as pessoas que o fazem.

Não caia nessa. Afinal, todo mundo deveria dedicar algum tempo para cuidar da mente, todo mundo mesmo, pois, se trata de algo extremamente positivo. Outro ponto é que tem muita gente que precisa de ajuda para cuidar da saúde mental, e nem sequer dá conta disso. Por isso, converse com as suas amigas e familiares sobre o tema. Não deixe também de comentar aqui, com as suas dúvidas e sugestões. É sempre bom compartilhar experiências com as nossas leitoras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *