Tayla Pinotti

Veja 12 fatos curiosos sobre o clitóris que quase ninguém conhece

Clitóris

Clitóris ou Clítoris? Você sabe qual é o certo? A prova de que o clitóris (com acento no ó) é um órgão pouco conhecido já começa pelo fato de que muitas pessoas não sabem ao menos sua pronúncia correta.

Isso, sem dúvidas, está relacionado ao fato de que pouco ou quase nada se fala sobre a sexualide das mulheres, já que este é um órgão exclusivamente feminino e, consequentemente, pouco explorado.

Por isso, com o auxílio da ginecologista da clínica Mais Excelência Médica, Caroline Magnani, vamos quebrar o tabu e mostrar 12 fatos curiosos sobre o clitóris que quase ninguém conhece. Confira abaixo quais são.

A única função do órgão é o prazer sexual feminino

De acordo com a ginecologista Caroline Magnani, o clitóris é a única parte do corpo humano que tem como único propósito dar prazer à mulher. Sendo assim, ele não interfere no funcionamento de outros órgãos do aparelho reprodutor e nem na reprodução. É por isso que estimular o clitóris durante a relação faz toda a diferença para a mulher.

O clitóris também pode ficar “ereto”

Caroline explica que embaixo da crura, em ambos os lados da abertura vaginal, estão os vestíbulos clitorianos, também conhecidos como bulbos vestibulares. Essas estruturas de tecido erétil, semelhantes a sacos, se encontram internamente logo abaixo dos grandes lábios.

“Como os corpos cavernosos, eles também ficam cheios de sangue durante a excitação, isso estimula a abertura vaginal, aumenta e empurra a vulva para fora. O sangue fica preso, causando a ereção do clitóris” completa.

Clitóris

Muitos homens (e até mulheres) não sabem onde esse órgão fica

Motivo de brincadeiras entre as mulheres, o fato de os homens não saberem onde fica o clitóris claramente está relacionado à uma educação sexual falha que pouco explora a sexualidade feminina. Para tirar a dúvida, o clitóris fica no topo da vulva (que é a parte externa da vagina), localizado sob o púbis, na junção dos pequenos lábios.

A maioria das mulheres precisa que o clitóris seja estimulado para atingir o orgasmo
Atingir o orgasmo vaginal puro é muito difícil e, por isso, a maior parte das mulheres precisa de estímulo clitoriano. No entanto, muitas vezes esse órgão não é estimulado por falta de conhecimento, sendo este um dos motivos para que muitas mulheres tenham dificuldade para atingir o orgasmo.

Ao contrário do que podem imaginar, ele não funciona como um botão

Não é raro ver pessoas usando a palavra “botão” para falar do clitóris, porém, a ginecologista Caroline Magnani explica que apesar de se parecer com um botão, o órgão é muito mais complexo.

“Por baixo do clitóris há um corpo com a forma de um osso da sorte, com duas pernas que se estendem pela vagina, conectando-se ao ponto G. Isso significa que o órgão tem um longo alcance quando se trata de prazer e que precisa de estímulos diversos, não apenas apertado”, esclarece.

Existem semelhanças entre o clitóris e o pênis

Segundo Carolina “o clitóris e o pênis são imagens um do outro, apenas organizados de formas diferentes”. Isso porque ambos são compostos por três câmaras que se estendem profundamente no corpo. No caso do clitóris, são um par de pernas (crura) que se estendem dentro do tecido da vulva e os bulbos do vestíbulo. Já no caso do pênis são um par de corpos cavernosos e um corpo esponjoso.

O clitóris é mais sensível que o pênis

Por ser menor que um pênis, as terminações do clitóris ficam concentradas em um espaço igualmente pequeno, o que torna o orgamos clitoriano tão potente. Sendo assim, o órgão feminino é considerado mais sensível que o masculino na hora do sexo.

O formato do órgão varia de mulher para mulher

“O capuz do clitóris, que é uma dobra de pele que cobre e protege o órgão, varia muito na sua cobertura. A cabeça (ou glande) do clitóris pode se diferenciar no formato e tamanho dependendo da vulva, já que ela pode ficar mais ou menos exposta” explica a ginecologista.

Esse não é um órgão que envelhece

O clitóris sempre permanece jovem, o que significa que as mulheres podem experimentar orgasmos várias vezes ao longo da vida sem causar nenhum desgaste. Mesmo com o envelhecimento, o máximo que pode acontecer é a vulva ficar com uma aparência mais flácida, mas o clitóris continua igual.

Com o passar do tempo, ele fica mais aparente

De acordo com Caroline, o clitóris nunca se deteriora, mas aumenta com a idade. No momento em que uma mulher tem 32 anos, por exemplo, seu clitóris é quase quatro vezes maior do que na puberdade. E ele continua crescendo. Após a menopausa, o clitóris é cerca de sete vezes maior do que era desde o nascimento.

Apesar de parecer pequeno, o clitóris é um órgão grande

Em um passado não tão distante, as pessoas acreditavam que o clitóris era uma estrutura pequena. Mas, uma pesquisa que utilizou ressonância magnética mostrou de que a parte “interna” do clitóris é muito maior do que se pensava. O órgão possui 10 centímetros de comprimento, da ponta da glande até o final.

Apenas ¼ do órgão pode ser visto a olho nu

O clitóris era imaginado como um órgão pequeno porque apenas ¼ da estrutura pode ser vista a olho nu e exposta ao toque. A parte maior fica dentro do prepúcio, que a pele que recobre este órgão.

Veja 12 fatos curiosos sobre o clitóris que quase ninguém conhece
4.9 (97.78%) 9 vote[s]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *